© 2023 by Nature Org. Proudly created with Wix.com

 

Trata-se de um engenho destinado à moagem de cereais que tira partido da energia das marés: a água armazenada no grande reservatório junto ao moinho (caldeira) durante a enchente, é libertada na vazante, fazendo acionar as mós.

O aparecimento dos moinhos de maré em Portugal data do século XIII, tendo subsistido até aos nossos tempos com modificações mínimas.

Em meados do século XX muitos encontravam-se já abandonados, devido à concorrência das moagens mecânicas - destino idêntico tiveram as azenhas dos rios e os moinhos de vento.

Os moinhos de maré eram construídos quase sempre em estuários de rios e lagunas - na Ria Formosa chegaram a existir 30 destes engenhos.

O Moinho Novo de Marim, construído em 1885, foi o último a ser encerrado, já em 1970 e posteriormente a ser restaurado pelo PNRF.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now